Tiragem de gases da combustão em Caldeiras

Caldeira Geral

A tiragem em caldeiras é o processo de extração dos gases da combustão da caldeira e o seu descarregamento na atmosfera através da chaminé. É uma parte importante do funcionamento de uma caldeira, pois evita o acúmulo de gases da combustão, o que pode ser perigoso. Além disso, a tiragem permite que a caldeira funcione de forma mais eficiente, já que os gases quentes e leves sobem naturalmente pela chaminé, causando uma sucção na base da caldeira e permitindo a entrada de ar frio para a combustão. Há vários tipos de tiragem que podem utilizar-se em caldeiras, incluindo tiragem natural, forçada, induzida e balanceada.

Tiragem natural

Ocorre quando a diferença de pressão gerada pela diferença de densidade entre os gases quentes e o ar frio na entrada da caldeira provoca o escoamento natural dos gases de combustão para a chaminé.

Tiragem forçada

Funciona com a ajuda de ventiladores insufladores, também conhecidos como ventilador de tiragem forçada ou Forced Draft Fan (FDF). Neste tipo de tiragem, o ar é insuflado pelo FDF e inserido em queimadores ou maçaricos, antes de ser conduzido para o interior da fornalha para o processo de combustão. A fornalha opera com pressões positivas e o resultado da combustão direciona-se para a chaminé. A Figura 01 a seguir ilustra este processo de tiragem.

Figura 01: Caldeira com tiragem forçada

Tiragem induzida

Ocorre quando o ventilador-exaustor, conhecido como ventilador de tiragem induzida ou Induced Draft Fan (IDF), suga os gases da combustão e os conduz à chaminé. Neste tipo de tiragem, coloca-se o ventilador no duto de gases queimados e a fornalha opera com pressões inferiores à atmosférica. Na Figura 02 pode-se observar um arranjo típico deste processo de tiragem.

Figura 02: Caldeira com tiragem induzida

Tiragem balanceada

É aquele em que o sistema tem um ou mais ventiladores de tiragem forçada e um ou mais ventiladores de tiragem induzida, formando um conjunto balanceado. É uma das configurações mais usadas em caldeiras de grande porte, pois, com o uso de dampers ou inversores nos motores dos ventiladores, permite um controle mais estável da pressão interna da fornalha, além da possibilidade de se instalar pré-aquecedores de ar que melhora eficiência da unidade. A Figura 03 apresenta este processo de tiragem amplamente utilizado.

Figura 03: Caldeira com tiragem balanceada

A princípio a escolha do tipo de tiragem a utilizar-se em uma caldeira depende de diversos fatores, tais como o tamanho e tipo da caldeira, a altura da chaminé, a capacidade geradora de calor e as condições ambientais envolventes.

Em síntese, a tiragem é uma etapa fundamental no funcionamento de uma caldeira, garantindo sua segurança, otimizando sua eficiência e podendo ser realizada de forma diferenciada de acordo com o tipo de caldeira e as condições ambientais. Em suma torna-se fundamental que a escolha do tipo de tiragem seja feita com precaução para assegurar o melhor desempenho possível da caldeira.

Veja mais sobre:

Economizadores

Canal no Youtube

+ posts

Contato: Linkedin

1 thought on “Tiragem de gases da combustão em Caldeiras

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.